Quando vale a pena uma holding familiar?

Afinal, quando vale a pena ter uma holding familiar? Por um lado, esse escritório gera incentivos fiscais para conservar o erário e evitar altos custos com inventários. Em contrapartida, existem despesas para abrir a empresa, fazer doações e manter o CNPJ.

A holding tem como missão transformar em pessoa jurídica o capital patrimonial de uma família. Esse negócio envolve imóveis, empresas, ações e todas as outras modalidades econômicas transmissíveis para herdeiros.

As demandas da holding familiar

Plano sucessório, planejamento tributário e proteção patrimonial são alguns dos motivos para abrir a holding. Para uma família empreendedora, também é possível considerar o objetivo de desenvolver a governança dos bens corporativos.

Criamos um material completo sobre holding e que vai esclarecer todas as suas dúvidas sobre o tema.

Clique aqui e tenha acesso ao material

 

 

Compartilhe nas mídias

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
plugins premium WordPress